Archive | April, 2014

BOTA FORA FAMÍLIA MAIS VOCÊ

27 Apr

Faltavam 3 semanas para mudarmos para Londres, nossa lista de pendências era infindável  e há dias eu não dormia: carros para vender, esvaziar o apartamento, 2 mudanças para fazer: das coisas que ficariam em SP e da mudança para Londres; um jornal para entregar, finalizar o trabalho com todos os clientes, acerto de contas das funcionárias e cancelamento das contas de casa e do escritório, documentos de saída do Brasil, visita à todos os médicos possíveis (meus e da Valentina)… Estávamos quase à beira de um colapso, era exatamente essa a sensação, que enfartaríamos antes de chegar em Londres.

Desespero de causa

 

Era uma segunda-feira, piscou na minha caixa de mensagem um e-mail da Vivi de Marco, minha eterna mestre e diretora durante anos no Programa Mais Você, me consultando se poderia organizar uma festa de despedida para nós na casa dela em São Paulo. Mesmo no meio do turbilhão, sem tempo nem para respirar, como poderíamos negar um convite tão especial como esse? Vivi é daquelas pessoas que não tem tempo nem para respirar, vive na ponte aérea Rio-São Paulo, dirige o Mais Você com maestria, é escritora, roteirista, mãe de duas jovens lindas,  e ainda arranja um tempinho para os amigos, ufa, sei lá como ela consegue. Ficamos, eu e Dani,  muito mais do que lisonjeados com o carinho.

 

Dani e Nina chegando

Dani e Nina chegando no nosso “Bota Fora”

Eu, Valentina e Vivi querida!

Eu, Valentina e Vivi querida!

Reinaldo, eu e Cassinha. Nossa como eu amo esses dois!

Reinaldo, eu e Cassinha. Nossa como eu amo esses dois!

Vivi pensou em tudo, marcou a data, fez a lista de convidados, mandou e-mail para a turma, organizou o encontro, contratou o Pedro e sua equipe (maravilha das pizzas e dos deuses em São Paulo, é ele quem faz as pizzas de quarta-feira na casa do Faustão) SENSACIONAL, TUDO MARAVILHOSO, DELICIOSO E SUPER RECOMENDADO. Para nós só ficou a “função” de aparecer no nosso “bota-fora” (rs).  Juntamos uma parte da “velha” e da “jovem guarda” do programa, é claro que não pudemos reunir todo mundo, seria muita gente, mas a maior parte dos mais próximos estava lá para nossa despedida.

Família Mais Você reunida, faltou gente na foto.

Família Mais Você reunida, faltou gente na foto

Foram muitos anos de convívio e trabalho juntos, quase 10 anos direto e mais 3 como colaboradora/freela do programa. Deixei o Mais Você só em julho de 2011, eu precisava ficar até pelo menos o fim do ano, mas sonhávamos ter um bebê, minha terapeuta Pré-Natal (comecei uma terapia pré-natal bem antes de engravidar, mas isso é assunto para outro post) me colocou na parede e me sugeriu escolher: continuar trabalhando de forma insana em 2 empregos 14 horas por dia, ou diminuir o ritmo e tentar realizar o sonho de ser mãe. Foi uma das decisões mais difíceis da minha vida, eu jamais recusei trabalho, nasci para isso, mas precisava seguir minha alma e aquele era um bom momento para sermos pais. Dois meses depois engravidei da Valentina.

Meninas fantásticas conferindo o álbum de 1 ano da Nina feito pela Carlinha.

Meninas fantásticas conferindo o álbum de 1 ano da Nina feito pela Carlinha

Vivi, Cassinha, eu e Dani

Vivi, Cassinha, eu e Dani

Foi uma noite EMOCIONANTE, em todos os sentidos, encontrar nossos amigos para um “bye bye” como aquele é de pulsar a 400 por minuto qualquer coração. Vivi é muito mais do que uma ex-diretora para mim, é uma mestre, ela e outras pessoas muitos especiais,  não só me deram oportunidades de trabalho e lições de jornalismo,  em um mundo onde impera o individualismo, Vivi me ensinou o verdadeiro sentido das palavras generosidade e grandeza. Nunca me deixou desanimar, dizia que eu tinha os “dedos ligados no 110 e no 220” ao mesmo tempo,  e que isso me levaria onde eu quisesse chegar…Me defendeu em muitas situações, cuidou de mim em um ambiente que muitas vezes foi hostil, fez mais do que papel de chefe, fez papel de mãe, e é assim que eu sempre a “senti”, mãezona daquela turma toda.

Só gente Maravilhosa!

Só gente Maravilhosa!

 A família Mais Você me ajudou a crescer, entrei lá aos 18 anos. De lá saíram relações sólidas e sinceras, gente que frequenta minha casa, gente que frequenta minha vida, gente que frequenta minha alma. Foi graças à esse trabalho que realizei muitos dos meus sonhos. Qualquer agradecimento que eu faça para essas pessoas por todos esses anos de convívio, pelo carinho e pela amizade, sempre será pouco.

Amigas para a vida!

Amigas para a vida!

Carlinha, Fefa e Lili no maior bate-papo.

Carlinha, Fefa e Lili no maior bate-papo.

Naquela noite eu queria falar algumas palavras de agradecimento a todos os queridos ali presentes, mas foi a primeira “balada” da Nina, levamos a pequena porque Vivi insistiu, era uma despedida para nossa família: eu, Dani e Valentina, mas depois das 10h00 da noite a pequena emburrrou, chorou, não conseguia dormir, nos deu muito trabalho, a noite passou voando, na hora que eu ia agradecer a maioria já tinho ido embora e as palavras ficaram só no coração. Adentramos a madrugada comendo pizza, tomando vinho, batendo papo e sorrindo. QUE ENCONTRO BOM, QUE DESPEDIDA INCRÍVEL!!!

Clarinha se divertindo e Nina morrendo de sono.

Clarinha se divertindo e Nina morrendo de sono

Ainda em tempo, embora muitos meses depois,  eu agradeço todos que estiveram presentes, e os que não puderam estar também. OBRIGADA FAMÍLIA MAIS VOCÊ, obrigada aos mais de 200 integrantes que faziam parte da nossa família “original”, lá nos primeiros anos. Vocês fazem parte da minha vida e da minha história. Obrigada Vivi por abrir sua casa e  reunir nossos amigos para nossa despedida, que a vida nos reserve mais e mais encontros, risadas, alegria, bom papo, vinho, pizzaiada das melhores e felicidade sem fim,  como naquela noite! FOI DEMAIS PARA ESSE CORAÇÃOZINHO AQUI, FOI DEMAIS!

Risos, sorrisos, reencontros e despedidas

Risos, sorrisos, reencontros e despedidas

Nosso outro BOTA FORA foi na casa da minha mãe para nossa família mais próxima, precisava dar um beijo nos meus primos e não conseguia marcar com ninguém, ficamos sem ver algumas pessoas muito especiais, mas quem é amigo de verdade compreende as dificuldades, e aos poucos vamos nos falando como dá, sempre com uma saudade enorme, lembranças maravilhosas de dias felizes e esperança de que o reencontro seja em breve.

OBRIGADA AMADAS FAMÍLIAS: A DE SANGUE, A DE ALMA E A FAMÍLIA MAIS VOCÊ!

Obrigada Vivi, receba todo meu carinho, minha admiração e meu respeito pela grande MULHER que você é!

Um beijo muito mais que especial da família Girocoffee!

Tim tim para você e para nossa Família Mais Você, com vinho, champagne ou café!

SAÚDE PARA TODOS!!!

Silvinha, Dani e Valentina

 

 

Advertisements

Minha vovó quase Rainha nas AVENTURAS DA VALENTINA

2 Apr

Há dias mamãe tenta escrever esse post, coitada, às vezes dá até dó, a cabecinha dela pensa tanto, são tantas informações, tantas coisas para fazer, para escrever, que a gente quase vê  “fumacinha” saindo da “cacholinha” da mamis. Então como não tem tempo para tudo ela acaba priorizando o que é mais importante atualmente: EU, rs, e vai tocando todo o resto como dá.

Bem, mas cá estamos nós, no meio da madrugada, tentando contar um pouco das nossas aventuras. Para quem não me conhece ainda eu sou a Valentina, tenho 1 ano e 9 meses, sou a mascote desse blog, filhota dos blogueiros Girocoffee e neta e bisneta de um bando de gente linda. Sou super privilegiada, tenho 4 avós e 5 bisavós, pasmem é isso mesmo, tenho 5 bisavós de tirar o fôlego de tão fofos e maravilhosos que são, sinto  muitas saudades dos meus Bibis que estão no Brasil, mas hoje a aventura que vou contar é com a vovó Bete que nos visita em terras britânicas.

Eu e a placa do café

Há quase 3  semanas minha avó materna, Elisabete, chegou em Londres para nos visitar, eu acho o máximo minha vovó ter o mesmo nome da Rainha, minha Bibi Silvina conta que quando estava grávida da minha vovó ela leu uma matéria no jornal que falava sobre a Rainha da Inglaterra, então ficou decidido, se fosse menina se chamaria Elisabete, com S e TE no final, para “aportuguesar” a Rainha, ops, o nome da criança.

E como destino é uma coisa que nem sempre dá para controlar e às vezes se revela de forma linda e surpreendente, vovó que conhece outras partes da Europa mas diz nunca ter sonhado em viajar para a Inglaterra, agora está aqui se aventurando em terras reais, e nós temos o privilégio de ter nossa “queen particular” à tira colo. Vóvis está encantada, dá para ver seus olhinhos brilharem, e é para brilharem mesmo, porque nossa cidade é linda e cheia de encantos, ainda mais agora no início da primavera com seus lindos parques, flores e jardins.

Essa é minha vovó Rainha

Essa é minha vovó Rainha

Já fizemos a maior parte dos passeios mais indicados nos guias de Londres: London Eye, Big Ben, Parlamento, Abadia de Westminster, St. Paul’s Church, Hampton Court, Windsor Castle, Kensigton Palace, Tower Bridge, alguns museus, alguns parques, chás da tarde, centrinhos, comprinhas…. ufa, mas ainda falta muita coisa para ver, aliás se ficarmos o ano inteiro visitando lugares ainda assim não conheceremos Londres e suas infinitas possibilidades. Essa semana estamos correndo, papai trabalha na Alemanha enquanto tentamos mostrar mais um pouquinho da cidade para a vovó, e no próximo fim de semana tem surpresa no Blog, IUPI… mas essa é história para outro post.

Vovó Bete, mamãe e eu nos Jardins de Hampton Court

Vovó Bete, mamãe e eu nos Jardins de Hampton Court

Vou terminando por aqui para não cansar nossos “leitores”, na próxima postagem vou contar sobre o passeio na London Eye, e vou falar sobre o combo de tickets que você pode comprar para ter descontos: London Eye, Aquário de Londres, Madame Tussauds e London Dungeon. Alguns deles vale a pena com crianças outros mamãe acha que não. Bem, eu amei o Aquarium London e me diverti muito querendo me jogar lá de cima da London Eye, hehehe. Enlouqueci minha vovó que quase não viu nada e minha mamãe que passa metade do tempo estressada olhando o caminho, comprando os tickets, procurando lugar para trocar fralda, preocupada com a comida, com a volta, com o horário, com o trem…..  e a outra metade do tempo ela passa que nem uma doida correndo atrás de mim (hahaha).

A linda London Eye

A linda London Eye

 

Eu querendo pular e nadar no Tâmisa. Aventureira (rs)!

Eu querendo pular e nadar no Tâmisa. Aventureira (rs)!

Acreditem apesar de tudo isso elas amaram me levar na linda roda gigante com uma das vistas mais bonitas da nossa cidade, a London Eye é imperdível, e mais imperdível ainda são as dicas preciosas da mamãe para que outras mamães e papais não surtem como ela.

Ai, ai, como eu amo essa minha família Buscapé.

Um beijo queridos amigos Girocoffee! Se preparem que vem muita bagunça nas próximas aventuras!

Até lá!

Valentina